República Nacional dos Pets

Quando um filho nasce, uma das primeiras providências é registra-lo em um cartório. Certo? Ok, certo. Mas e quando o filho não nasceu do seu ventre? E quando seu filho é... pet?

Conheci a República Nacional dos Pets na primeira edição do Pet & Play que aconteceu lá no Shopping Villa Lobos. Mas na ocasião eu estava em dia de rodízio do carro e precisei sair correndo de lá para não pegar multa. Coisas de quem vive em São Paulo.

Mas como a curiosidade aqui é grande, entrei no site deles para saber mais informações. Fiquei super interessada em ter o RG e a certidão para os meus pequenos pela simbologia mesmo de ter a documentação deles. Então escolhi as melhores fotos (afinal, foto de RG não precisa ser sempre condenadora né?) e entrei em contato com a República.

Para a nossa surpresa, alguns dias após a chegada dos nossos documentos. Cookie, Shoyu, Mel e Gohan foram convidados a serem "ministros da República dos Pets". Ou seja, somos representantes desta empresa! Muito amor, não é?

Mas enfim, chega de papo! Ao cadastrar seu filho na República Nacional dos Pets, além de ter os documentos, você também pode usufruir de vários benefícios de empresas parceiras. 

Dica de mãe de pet! Até 18 de dezembro, registrando seu peludinho na maior Nação Pet do Brasil, você ganha um par de ingressos para curtir um filme na Rede Cinemark. Mas não perca tempo, pois a promoção é válida para os 25 primeiros registros.

E usando o cupom "amigos do Cookie" ou somente "Cookie", você consegue um descontinho camarada!

Lembrando que o registro é válido para qualquer animal. Não só cachorro. Pode gato, coelho, passarinho...



Móveis diferentes

Nossa família é bem grande e isso não tenho como negar. Somos em 2 humanos, 4 cães, 6 coelhos e uma hamster. Para assegurar a tranquilidade dos coelhos, nós optamos por um quarto exclusivo para eles. Por mais que todos estejam acostumados, os cachorros são maiores e qualquer brincadeira ou susto pode não ser tão bacana para os orelhudos.

Mas conforme a fama dos meninos foi aumentando, a quantidade de presentes também cresceu. Apesar da gente doar muitas coisas, muitas e muitas outras são necessárias para manter as redes sociais deles atualizadas. Além dos eventos que optamos por estar sempre com um look ou fantasia diferentes. 

Então chegou a hora de pensar em um quarto só para os cães também! Além dos móveis que já temos, estamos a procura de alguns diferentes e que formem um ambiente aconchegante e também seja cenário das fotos do instagram


E uma das nossas descobertas foi a empresa Beds for Pets! Conhecemos os produtos e as meninas da marca no Pet e Play que rolou em Santo André. Eu aconselho a olhar o site com o cartão de crédito bem longe do seu alcance. 

Brincadeiras a parte, os produtos são inovadores e de qualidade! E apesar de tudo isso, os preços são bem acessíveis comparados com concorrentes. 

Apesar de ser menino, Cookie não se intimidou nem um pouquinho em deitar e experimentar a tenda e a cama rosa. 

O bacana da marca é que elas pensaram em todos os detalhes! TODOS! As camas são revestidas e bem seguras até para aqueles mais mordedores de tudo.

Para você ter noção... até lençol  e travesseiro tem para estas caminhas!

Recentemente a Beds for Pets lançou a linha Gourmet! Se você, assim como eu, AMA coisas fofas, se prepare! Tem almofada de donut, cupcake, panqueca... e o pão de forma tem até a manteiga que pode ser usada como almofadinha!

É ou não é para morrer de amores?


Para conhecer mais sobre a Beds for Pets e montar um cantinho lindo para seus filhos, basta acessar o site: www.bedsforpets.com.br

A gente garante a qualidade dos produtos e que seus filhos vão amar. A minha turminha aqui ama as almofadas deles. E já estamos montando projetinho para o quarto deles. O que será que vamos aprontar?

ViPetBox


A cada dia que passa fica mais fácil proporcionar uma vida de rei para nossos filhos! Se você também não tem tempo para acompanhar as novidades do mundo pet e as vezes nem tem tempo para dar uma passeadinha em um petshop, temos uma mega dica para você.

Assim como caixas de assinaturas para humanos, nossos filhos também têm esse serviço. Atualmente há várias empresas que oferecem essa comodidade, porém confesso que a ViPetBox me chamou muita atenção por dois detalhes: parte da renda arrecadada com a venda das caixas é revertida para ONG e eles utilizam bolinhas (aquelas que tem em piscinas) para manter todos os produtos seguros diante do serviço-nem-sempre-tão-delicado dos Correios.

Como funciona?

Você acessa o site deles e preenche todos os dados do seu filho. É muito importante que você preencha corretamente todas as perguntas para que os produtos sejam perfeitos para o tamanho, idade, raça e comportamento do seu baby. Por exemplo, aqui não permitimos brinquedos de plástico porque eles roem e comem. A ViPetBox deles só vem com pelucinha delícia! 

O mais bacana é que o preço é super acessível e você pode fazer assinatura mensal, sem ficar preso ou ter a obrigatoriedade de manter por muito tempo! 

A caixa desse mês veio recheada de guloseimas que os meninos piraram! Só para vocês terem noção de como realmente compensa, nessa edição veio um pacote de biscoitos naturais, um banho a seco (precisam muito), pelúcia, o Xô Xixi (já falei dele em post), bolo de caneca (também já falei dele), sorvetinho e cata caca (sempre bom ter).



E com boas dicas também vem boas notícias! Para quem quiser assinar a ViPetBox e usar o cupom COOKIE, ganha 5% de desconto no valor! 

Site: www.vipetbox.com.br
Ong ajudada: www.facebook.com/semprecabemais
Cão ajudado: www.facebook.com/caozinhogui


Xô Xixi


Apesar de todo mundo aqui em casa ser castrado e 'teoricamente´ não terem necessidade de marcar território, um xixi ou outro escapa para fora do tapetinho higiênico. No caso dos coelhos é um pouco pior já que o xixi deles oxida e corrói qualquer superfície. 

Esse produto foi indicação da nossa amiga Camilla do Tips da Penny. No começo, juro, achei tudo muito mágico para ser verdade. Ainda assim, aproveitei a promoção da Pet South America (falaremos em outro post sobre esta feira) e trouxe uma caixa fechadinha do Xô Xixi.

A proposta do produto é ajudar na limpeza de qualquer sujeirinha do seu pet (xixi, fezes, vômito e sangue). Basta você jogar um pouco do produto, esperar alguns minutinhos e varrer. 



O meu maior receio era ficar com aspecto de areia e na verdade sujar mais do que limpar. Mas para a minha surpresa, o Xô Xixi realmente funciona. O cheiro do xixi dá lugar para um leve cheirinho de talco. Nada muito forte. E isso é bacana porque nem todos os animais suportam cheiros fortes.

Experiência com os coelhos
Como a maior parte das mamães e papais de coelhos sabem, não é aconselhado coelho e pó. Pode trazer vários problemas respiratórios. O que eu fiz foi jogar um pouquinho do produto e não deixar nenhum coelho se aproximar. Eles são muito curiosos e inalar o pó que ainda não se transformou em massa sólida não é bacana. 
Gostei muito do resultado. Por incrível que pareça o produto conseguiu diminuir bastante o odor do xixi e ajudou na limpeza. Claro, o ideal ainda é usar o granulado, mas em casos de xixi fora do lugar, o Xô Xixi é uma solução.

No próprio site do fabricante disponibiliza a venda deste produto: http://www.xoxixi.com.br


Obs. Use o produto somente com a sua presença no local. Não deixe seus animais sozinhos, pois eles podem ingerir ou inalar o produto.

Bolo de caneca


O primeiro bolo de caneca da vida tinha que ser para meus filhos! Eu nunca tive interesse em bolos de caneca, mas quando fiquei sabendo dessa novidade, eu fiquei ansiosa! E finalmente chegou nas lojas da Padaria Pet!

O pacotinho custa 5,00 e eu só encontrei de sabor banana. Segui as instruções a risca, porém não achei que ficou com a melhor aparência do mundo. Eu recomendaria colocar um pouco mais de água para que a massa realmente fique homogênea. Bom, vou tentar outras vezes.

O cheiro é realmente muito gostoso! E os cachorros ficaram malucos! O legal é que você pode guardar na geladeira por 3 dias caso você tenha apenas um cão e um bolo inteiro seja muito! Aqui em casa somos em 4 e então um bolo some em questão de segundos!

Acho que vale a pena a experiência.

Combinandinho


O meu sonho sempre foi sair de "parzinho" como quem tem filhos humanos faz. Mas confesso que eu procurei e nenhuma estampa realmente me atraiu. Eu não gosto muito de usar regatinhas por causa dos meus braços. Estou numa vibe mais t-shirt. Enfim, ai eu conheci a Cara Fuça! Uma marca super bacana de "combinandinhos". Ou seja, vc tem sua camiseta e o seu filho peludo tem uma bandana ou camiseta com a mesma estampa! Ainda há outras opções como turbante.

No aniversário da Mel, a equipe da Cara Fuça preparou um conjunto especial para a data! Uma estampa bem inverno e cachecóis! Sim, cachecóis como vocês podem ver na foto acima! A estampa da minha camiseta era exatamente a mesma do cachecol dos meninos! Fica ou não fica uma graça? Infelizmente durante a festa e com a agitação, eles acabam tirando os acessórios, mas admito que eu simplesmente AMEI! O inverno tá chegando e claro, sairemos por ai combinando mãe e filhos!
Para quem quiser conhecer mais e fazer suas comprinhas, a loja da Cara Fuça é online: www.carafuca.com.br

 

Outra marca que também produz peças maravilhosas para nós e nossos babies é a Ora Golas. Nesse inverno tenho certeza que não há nada melhor! Como o próprio nome já diz, são golas com as mesmas cores pra mamãe ou pro papai e pro filho! Na foto, super combinou a minha camiseta e a minha gola e a do Cookie. Shoyu também não quis ficar de fora e pediu para tirar foto com outro modelo de golas. 

Não fica um charme? O mais legal disso tudo é que o preço é super acessível para um produto de qualidade e parte da renda vai para a Ong Clube dos Vira Latas. Ou seja, você fica super quentinho, fashion, combinando com seu filho e ainda ajuda outros animais que também precisam de amor e carinho.

Para quem quiser conhecer os produtos do Ora Golas, basta acessar a fanpage deles no facebook ou o perfil no instagram:
@ora.golas 
https://www.facebook.com/Ora-Golas-


Aniversário da Mel


No último dia 03, comemoramos com nossos amigos e familiares o primeiro ano de vida da nossa princesa Mel. Ela fez aniversário no dia 10/05, porém tivemos alguns imprevistos com a minha saúde e tivemos que adiar. Confesso que nos preparativos tivemos vários problemas, vários obstáculos, mas a vontade de dar uma festa digna de rainha para a nossa pequena foi muito maior do que tudo que tentou nos tirar do foco!

A festa aconteceu na unidade Oscar Freire da Padaria Pet. Vários detalhes chamaram atenção na festa, mas a atenção total foi para a mesa. E toda a beleza, charme e cada detalhe foi pensado com muito carinho pela Carla da Pet Party Eventos. Eu, como toda boa sagitariana, não tenho habilidade manual nenhuma. E então confiei no trabalho da Carla e sinceramente? O resultado foi muito mais do que sonhado em algum momento da minha vida!! Ficou tudo muito lindo! E tenho certeza que não é só "corujisse" da minha parte!

Outro detalhe que chamou toda a atenção, principalmente dos convidados caninos, foi o bolo! Ele foi feito pela Karina Sato Brigadeiros. Como já era sabido que teríamos muitos convidados e alguns muito maiores do que nossos filhos, o bolo foi grande! Eu não sei dizer quantos quilos tinha, mas posso afirmar que até os mais "seletivos" em alimentação aprovaram e repetiram o pedaço de bolo!
Vale lembrar também que o primeiro pedaço foi para o namorado da Mel, o Thor (@thor_shibainu_).

Enquanto os convidados não podiam atacar a mesa (carinhas fofas não faltaram), a empresa de alimentação natural Farnel do Pet realizou a degustação de seus produtos! Eu já era fã da marca e não podia deixar de indicar para nossos amigos! 
Todos os convidados puderam experimentar a comidinha natural... e eu fiquei sabendo que teve comilão que repetiu a dose!
A Farnel do Pet é super responsável e oferece tudo de forma segura e claro, fresquinha para seu cão ou gato. 
Além disso, os convidados ainda levaram amostrinha da alimentação natural para casa nas lembrancinhas.
Afinal, nem todo mundo consegue comer bem em festas, não é?




E a cerejinha do bolo foram os acessórios da Jéssica Acessórios Pet. Os convidados podiam escolher entre bandanas, lacinhos, gravatinhas ou chapéus! Tudo muito colorido para trazer alegria e também seguir o tema que era arraial!

Eu sei que é redundante, mas o Toddy não ficou mais lindo ainda com essa bandana?




Gostaríamos de agradecer a todos os nossos parceiros que tornaram esse dia muito mais especial. O meu look e dos quatro pequenos foi da Cara Fuça. Uma empresa super bacana que produz roupas combinandinho entre filhos e pais! Infelizmente o cachecol com a mesma estampa da minha blusa não foi clicado.

A Bom pra Cachorro também esteve presente na festa com seus biscoitinhos naturais deliciosos! Todos convidados também ganharam marmitinhas recheadas de biscoitinhos na lembrancinha da festa. 

A toda equipe da Padaria Pet, Rodrigo por ter uma paciência enoooorme e em especial para a "tia Rô" que é a paixão do Cookie e de toda a família!

Nosso eterno agradecimento a todos que passaram a tarde de domingo com a gente. Foi muito gostoso sentir o amor que todos têm com a nossa Mel! (não, não vou chorar de novo, basta na hora do parabéns).

Para quem quiser contratar alguma das empresas, seguem os contatos!

Carla Pet Party Eventos - Buffet Pet@petparty_eventos

Farnel do Pet - Alimentação natural: @farneldopet
https://www.facebook.com/farneldopet

Biscoito Bom pra Cachorro - Biscoitos naturais: @bp1cachorro

Jéssica Acessórios Pet: jessicaacessoriospet

Karina Sato Brigadeiros - Bolo pet: www.karinasato.com.br

Alyma ForStore - Convites: www.alyma.com.br

Cara Fuça - Look mãe e filhos: www.carafuca.com.br

Padaria Pet: www.padariapet.com.br

Fotógrafo Pedro: 011 96695-1232

Seguem algumas fotos da festa. Em breve vamos postar um álbum completo com todas as fotos!! 

 
Mel estava radiante!

Mel e o cunhado na mesa do bolo

Mel e o amiguinho Frank

Mel e as amiguinhas Pérola e Cristal

Mel com os amigos Moti e Jessy

Mel com os amigos e casal de namorado Dudu e Mel

Mel com o primo Bob

Foto com a irmã de consideração, Jéssica!

Uma foto quase de família. Faltou o Gohan!

Minha mãe, a avó que não admite ser vó de cachorro :)

E por fim, o que faz a Mel sorrir: seu namorado Thor!


Dog Run


O Cookie não está com a cara mais feliz na foto, mas ele também curtiu as duas edições de corrida de humanos com seus cães que rolou aqui em Sampa! Os meninos estão com problemas de peso e a Dog Run foi o início das nossas atividades físicas. 

Como são 4 cachorros, não pudemos participar da corrida (juro, não é desculpa esfarrapada de mãe e pai sedentários). A primeira edição foi no SP Market e a segunda no Santana Park Shopping. 


O Shoyu e a Mel correram, caminharam, brincaram! Eles realmente se divertiram muito! O Cookie, como sempre, preferiu andar alguns minutinhos e depois ir de carona no colo da mãe e do pai que se revezaram para dar conta do peso!

O percurso, tanto da corrida quanto da caminhada, é de 2km. O único ponto negativo foi a sujeira que encontramos no caminho. Talvez não seja  um erro da organização e sim de quem está participando! Humanos, limpem as caquinhas que seus cachorros fazem! Ninguém merece ter que desviar de coco toda hora e algumas vezes, os cães pisarem e se sujarem por causa da falta do outro!

Enfim, a experiência foi bem bacana! Todos caminharam tranquilamente e sem problemas de briga, nem nada. Além das medalhas, ganhamos também um kit super recheado de gostosuras para os humanos que acordaram cedo para levar seus cães para a caminhada!

Haviam stands com diversas marcas pet para os participantes conhecerem! Desde bandanas até alimentação natural. Ah, e também massagem para relaxar os cães, afinal, exercício físico também merece um agrado, né?

Agradecemos a Pet Party Eventos pelos convites e também parabenizamos todos os envolvidos na organização. Já estamos esperando pelas próximas edições.

Para que remédio?

Quando a Mel chegou em casa, eu já tinha o Cookie e o Shoyu. Os dois já tinham o pelo bem farto! Haviam passado pela troca de pelagem de filhote para adulto e a cada dia que passava, os dois ficavam mais e mais peludos.

A Mel veio para casa com 2 meses de idade. Ela ainda era uma bolinha de pelo, mas eu sabia que todo aquele volume ia sumir em alguns dias. A troca nem sempre é severa e como isso é imprevisível, eu já estava me preparando psicologicamente. Esta fase não é das mais bonitas de um Spitz Alemão. E a troca começou já com quase 3 meses.

Ela não teve uma troca muito severa, mas a pelagem, como toda boa "raposinha", ficou lisa. Os pelos da Melzinha não ficam "armados" como os dos meninos. Ela não tem tanto subpelo, o que faz com que a pelagem fique mais baixa.


O primeiro cio veio com 5 meses. Foi um susto! Mas segundo a veterinária, cães pequenos como ela tendem a ter o cio mais cedo. E justamente no momento em que ela estava começando a ter o crescimento do pelo, pós troca. E sim, caiu tudo de novo. Claro, não com a mesma intensidade, mas era notório que ela estava com menos pelos.

Muita gente recomendou remédio e mais remédio para que ela pudesse recuperar toda a pelagem. Porém eu sempre fui muito contra o uso indiscriminado de medicação. Na minha opinião, eles são frágeis demais para sair dando remédio sem nenhuma avaliação médica. Os problemas na saúde podem não aparecer imediatamente, mas quem garante que esses remédios todos não vão sobrecarregar o fígado? Ou trazer qualquer outro dano à saúde deles?

Enfim, eu procurei algo mais "natural". E encontrei. Começamos a dar, uma vez por semana, um pedaço de sardinha. De princípio, com receio dela não aceitar, eu misturava na ração. Porém a aceitação foi incrível e então eu só oferecia juntamente na refeição.


A foto acima, ao lado dos irmãos, já diz tudo como realmente ficou a pelagem da minha pequena. É óbvio que há diferença entre ela e os irmãos devido a quantidade de subpelo. 

Fiquei extremamente satisfeita com o resultado e tenho certeza que não afetei em nada a saúde da minha pequena! 


Ps. Caso vc queira dar sardinha fresca, pode também. Eu só recomendo deixar bem limpinho para que não tenha problemas com tripas e espinhos. Eu uso a de latinha mesmo. Só tiro bem o óleo.

Minha experiência com Uber

Recentemente o Uber desativou a opção Pet e deixou na mão vários papais e mamães que usavam este meio para sair com seus cães, gatos, coelhos etc.

A justificativa do Uber foi que a maioria dos usuários estavam reclamando da higiene e limpeza dos carros após um cliente pet. E então, resolveram tirar esta opção do aplicativo.

Ainda é possível levar seu bichinho de estimação em carros da Uber, porém antes de embarcar é necessário que você entre em contato com o motorista para ver se ele aceita ou não este tipo de viagem.

Eu nunca tive problemas com nenhum motorista do Uber após esta mudança. Porém confesso que me incomoda bastante ter que ligar para o motorista antes. Sendo que na maioria das vezes, este contato não é realizado por causa do próprio sistema deles. A rede sempre está ocupada.

A nossa sorte é que os nossos cães são pequenos e a maioria não se importa de transportar cães de pequeno porte já que boa parte deles vai no colo do seu dono. 

Porém existe um ponto que me intriga bastante. Antigamente, os carros que faziam parte do Uber Pet disponibilizavam uma capa protetora para os bancos. Pelos, babas e qualquer outra sujeira ficariam ali, na capa. E os outros passageiros não teriam problemas. 

Eu perdi as contas de quantas viagens eu fiz com o Uber e em nenhuma delas o motorista utilizou tal capa. Então se o motivo era a higiene do carro, o problema não está com os cães ou os animais e sim com o próprio motorista, não é?


Nós já falamos sobre isso, mas não custa relembrar. Para quem não for aceito pelos motoristas do Uber, ainda temos outra opção! O Easy Táxi junto com a Dog Chow continuam com o serviço e aceitam animais em seus carros. Eles tem a opção pet em seu aplicativo! Talvez os preços não sejam tão competitivos como os do Uber, porém não resta muita alternativa né?

Enviei email para a assessoria do Uber perguntando sobre estas mudanças, os motivos e se havia alguma chance de ter esta opção novamente, mas até o momento não tivemos respostas. Infelizmente.



Mãe de pet... também é mãe.


Eu queria MUITO que cada um de vocês lesse o texto inteiro. Mesmo que ele fique longo. Talvez eu não consiga expressar tudo em poucas linhas, mas prometo que vou tentar.

Muita gente não entende e outras não aceitam o termo "mãe de pet". Juro, eu já participei de discussões bem intensas sobre o tema. Confesso que meus pais, de início, não aceitavam muito bem quando me ouviam dizer que eu era mãe de coelho. E agora, mãe de coelhos, cachorros e de hamster. 

Eu nunca consegui entender o porque de não aceitar. Sou super defensora da ideia de que cada um tem sua vida para cuidar. Desde que seu ato não afete ninguém, que mal tem? Quando nós nos denominamos mãe, nós não estamos tentando diminuir ninguém.

Entendemos que ser mãe de filho humano é complicado. É árduo. E nem sempre tão reconhecido. E muito menos recompensado. Eu sei disso porque eu não nasci de ovo. Eu tenho uma mãe batalhadora. Que cuidou de mim e mais dois irmãos. Eu tenho amigas que são mães solteiras. Ou que se desdobram para trabalhar e cuidar dos filhos. Fazem dupla, tripla jornada.

Mas por que eu não posso me considerar mãe daquele que eu cuido? Só porque ele não veio do meu ventre? Só porque ele não fala? Ou porque é... um animal?

Mãe não é só palavra. Mãe é sentimento. E é disso que estamos falando! 

Quando ouço palavras direcionadas a mães de pet como "frescurinha" ou pedem para que eu arranje um filho de "verdade", eu questiono... como assim? Será que quem me julga ou quem aponta o dedo sabe da minha história?

Eu sempre quis ter filho, humano, de verdade, como alguns dizem. Porém eu perdi meu primeiro filho, o Andrei, com 5 meses de gestação. E desde então, tem sido uma batalha incessante para engravidar. Há algumas semanas atrás, o meu diagnóstico foi fechado e bateram o martelo: não, Dani, você não poderá ser mãe.

Meu chão parecia abrir diante dos meus pés. Foi uma das piores sensações da minha vida. E ainda estou tentando digerir tudo isso... tentando aceitar a minha condição. 

O que quero dizer é... nem toda mulher que considera seu bicho de estimação como filho é uma "sem noção" que não tem mais o que fazer. Ela pode ter sofrido uma perda. Ela pode ter o sonho sim de ser mãe de "um filho de verdade", mas por inúmeros motivos, não consegue. Ou simplesmente ter optado por não ter nenhum filho do ventre.

E ai? Quem pode julgar?

Se eu estou passando toda a minha frustração de não poder ser mãe para os meus animais... até pode ser, mas me pergunto... por qual motivo eu sou proibida disso? 

Que mal estou causando?

Como eu já disse. Eu repito. Mãe não é só quem dá a luz. Mãe é sentimento. Mãe é cuidado. Mãe é carinho. E tudo isso, eu dou aos meus.

Inclusive, no dicionário, a palavra mãe tem também o significado: "pessoa que dispensa cuidados maternais, que protege, que dá assistência a quem precisa."

Ficam aqui nossos votos de que todas as mamães tenham um dia maravilhoso. E o meu pedido, sincero, de quem nos julga repense as suas acusações. Muito amor. Para todos.


O frio chegou!

O frio chegou! Alegria para uns, tristeza para outros. Aqui em casa estávamos contando os dias para que o frio chegasse em terras paulistas. Bom, para quem não sabe, coelhos não se sentem bem com temperaturas altas e em alguns casos chegam a óbito. 

Meus cães também são super peludos e estavam sofrendo com o calor.

Apesar de saber que todos iriam viver bem melhor com temperaturas baixas, a mamãe aqui não gosta muito de frio. E foi mudar o tempo e a gripe já tomou conta! Estou de molho, mas não pude deixar de dar umas dicas bacanas.

Afinal, coelhouco é coelhouco e somente quem é, entende.

Eu não sou muito fã das lojas Renner, mas de uns tempos pra cá, eu tenho olhado mais as coleções. Talvez a idade esteja chegando e o gosto também está mudando? Ou será que toda mulher é assim e tem suas fases? Me digam ai! hehe


Então, algumas meninas já tinham me dito sobre umas canetas e bloquinhos de anotação com coelhinhos na frente. Confesso que comprei a caneta. Não a uso, mas tenho. Na semana passada, recebi uma mega caixa da Renner (quem me acompanha no snap deve ter visto) e adivinhem? Coisas lindas, fofas, pro frio e de... COELHO!

Eu já estou super usando o roupão e a pantufinha! Para quem odeia frio e se sente no polo norte com qual queda de temperatura, juro, vale a pena! 

Então, Coelhoucas, corram para as lojas Renner que tem muita coisa linda de coelhinho. E ainda para nos esquentar porque sinceramente... frio, só pra coelho! haha

Roupão do Pernalonga: 129,90

Pantufinhas: 79,90



O irmão mais novo


Seja bem vindo, Gohan!

Este é o mais novo integrante da nossa família! Ele também é da raça Spitz Alemão e tem 4 meses. Ele está passando por uma troca bem severa de pelos, mas já já ele vai ficar bem peludão igual os irmãos mais velhos.

Gohan chegou em um dos piores momentos da minha vida. Eu havia acabado de receber a notícia da minha impossibilidade de manter uma gravidez saudável e realmente estava sem chão.

E sinceramente? Apesar de muitos acreditarem que ter 4 cães em casa é uma tremenda loucura (confesso que eu também acho), o Gohan, com sua inocência de filhote, preencheu o vazio e me fez manter ocupada para não ficar nos cantos da casa, chorando e lamentando.

Na semana que vem eu escrevo mais sobre como foi a adaptação entre eles!

Etna também é petfriendly


E cada vez mais estabelecimentos comerciais estão cedendo para os animais! Isso é extremamente importante para pessoas como eu que consideram seus bichos de estimação como filhos e membros da família.

Feriado prolongado, tempo bonito lá fora. E a necessidade de comprar algumas coisinhas para casa. Quando nos arrumamos, o Cookie já estava com aquele sorriso no rosto esperando na porta. Como negar um pedido desse?

Eu já tinha ouvido falar que a Etna era petfriendly, mas para não chegar na loja e ser proibido de entrar, resolvi acessar o site deles. Não há nenhuma indicação que as lojas permitem o acesso de animais, porém entrei no chat online deles. A atendente foi de extrema delicadeza e muito gentil. Já ganharam mil pontinhos positivos no primeiro atendimento.

Ela nos informou que nem todas as lojas são petfriendly, mas as que aceitam o cachorro deve ser de porte pequeno. Ficar no colo do dono, andar no carrinho de compra deles ou no carrinho próprio, como foi o nosso caso.


Escolhemos a unidade da Marginal Tietê que já havia sido confirmada pela atendente ser petfriendly. O mais bacana de lá é que não nos sentimos, em nenhum momento, "peixes fora d´água". Ou seja, ninguém olhou feio, ninguém riu, ninguém fez piada. Tivemos acesso a loja toda sem nenhuma restrição. Apenas no restaurante, onde haviam vários clientes almoçando no horário, que não entramos. Mais por respeito a eles porque sabemos que nem todo mundo curte animal durante as refeições.

Mas eu não sei informar se a presença de animais é permitida ou não dentro do restaurante do segundo piso. Na lanchonete na saída da loja, após os caixas, é permitida a presença Tomamos um lanche bem caprichado com a permissão dos funcionários.

Então se você está precisando comprar um móvel... ver decoração... ou apenas quer passear com seu filho, vá até uma loja Etna. Lembrando que é interessante entrar em contato antes para ver se a unidade que você escolheu permite ou não a entrada deles, tá?

E claro, bom senso nunca é demais.

A gente super aprovou o nosso passeio na Etna. Com certeza não será a primeira e nem a última vez por lá! Afinal, uma casa com tantos animais precisa ser pensada para eles, certo?

Mas isso é assunto de outro post!

Escova Tangle Teezer

No ano passado não se falava de outra coisa a não ser essa escova: Tangle Teezer. Ela foi criada por um cabeleireiro londrino, Shaun P., e sua proposta é pentear TODOS os tipos de cabelo, secos ou molhados, sem danificar. 

Eu tenho cabelos longos e com tintura e confesso que me interessei quando a vi pela primeira vez, mas o preço alto (R$ 88,00) me fez deixar na listinha de desejos por um tempo. 

Para a minha surpresa recebi essa escova nessa semana. E pasmem, não para mim e sim para os meus filhos.

Cães que tem subpelo como Spitz Alemão não podem ser escovados de qualquer maneira. E a escova também faz diferença. Eu sempre deixo nas mãos do groomer deles, mas nem sempre a gente consegue conciliar nossas agendas e dá-lhe pelo embaraçado.

Rasqueadeira, não pode. Escova com bolinhas nas cerdas, não pode também. Então, eu tirava com as mãos mesmo já que eles se incomodam bastante quando vamos tirar com qualquer escova.

Bom, eu fiz o teste no Cookie que sempre acumula pequenos nós debaixo das patinhas e nas orelhas. Além de desembaraçar, acredito que ela faça uma "massagem" no couro porque ele realmente encarou de boa e aparentemente até gostou. Não reclamou em nenhum momento como de costume.

Foi muito fácil de tirar os nós, juro!

Para ter a certeza que a escova realmente é muito boa, resolvi fazer a prova final: escovar meus coelhos peludos. A Tibi é um mar de pelos. Muitos não sabem onde ela começa, onde ela termina! Brincaderinhas a parte, realmente é muito difícil escova-la. E a Tangle foi mega aprovada em coelhos também!

O formato dela é super bacana, pois cabe na bolsa também. E por mais que a Tangle tenha sido enviada para meus cães, eu testei em mim também para ver se era essa maravilha mesmo. E te garanto: sim, ela é! Notei que meus cabelos não ficaram com frizz e um pouco mais macios. 

Quer produto melhor do que esse? 2 em 1? Para cães e para a gente? Claro, depois de escovar seus filhos peludos, tire os pelos para vc não ganhar uma peruca diferente.

O preço continua ainda salgadinho, mas hoje eu acredito que realmente vale a pena. Principalmente para quem tem cabelos e pelos longos como eu e meus filhos (respectivamente hehehe).

A gente recebeu a versão aberta. Mas tem a escova com a versão fechadinha também (foto abaixo). E de inúmeras cores, claro.


A Ciência da Felicidade


A Hill´s Pet nos convidou para um "pet nic" no último fim de semana para descobrir qual a ciência da felicidade. Você já sabe qual é? Nós já descobrimos! Mas a gente conta já já. Primeiro vamos contar como foi a nossa tarde! 

A Hill´s Pet é uma marca de ração super conhecida e para cachorrinhos como o Cookie, Shoyu e a Mel que sofrem com lágrimas ácidas (aquelas manchinhas chatinhas debaixo do olho e em alguns casos, na "barbinha"), a Hill´s é uma verdadeira benção.

O encontro aconteceu no Parque Alfredo Volpi, no Morumbi e foi a nossa primeira experiência em parques. E pelas carinhas, o que vocês acham? Adoraram? Sim ou com certeza?

O parque é fechado e tem bastante segurança. Por causa da vegetação nativa com lagos e árvores bem altas, a cada passo que a gente dava para dentro do local, o clima ficava mais gostoso. 

O Shoyu ficou extremamente extasiado com cada animal que ele encontrou pelo caminho. Seus olhinhos brilharam quando avistou dois patos na lagoa. Pena que eles não gostaram muito da presença do Sho... 


Chegamos e realmente  a turma da agência Pólvora e da Hill´s Pet preparam um verdadeiro piquenique! Com direito a toalha no chão, muitas almofadas e muita guloseima! 

Algumas coisinhas gostosas eram apenas para os papais, afinal, a gente não é de ferro, né? Mas eles estavam bem servidos de Hill´s e claro, muita água para hidratar.

Além de tudo isso, ainda tivemos um bate papo super bacana com o adestrador Tiago Zoriki da Amigos do Zorikão. Ele deu várias dicas de adestramento, comportamento e inclusive tirei dúvidas sobre humanização que tanto é discutido hoje em dia, né? Mas isso é tema para outro dia.


Encontramos muitos amigos por lá. Fizemos novas amizades, conhecemos alguns que eram somente amigos virtuais. Foi uma tarde tão gostosa, tão harmoniosa... e no fim, descobrimos que a Ciência da Felicidade é tudo isso! É amor, é amizade, é dedicação, é aprendizado. É união, é o compartilhamento de ideias e de conhecimento. É encarar desafios sem medo.  É conviver com esses seres que Deus nos permitiu cuidar e ser cada dia mais completos. É se tornar, por causa deles, seres humanos melhores. Para que o sorriso que eles nos dão em um simples olhar seja realmente retribuído, a altura.

Agradecemos a toda equipe da Hill´s e da agência Pólvora pelo convite. O primeiro passeio dos pequenos em um parque não poderia ter sido melhor e em melhor companhia! 

Agora, babem nas guloseimas que a gente fez o "esforço" danado para deliciar enquanto a gente tentava descobrir... a ciência da felicidade.

Cookie estava pensativo porque mamãe não deixou atacar esses bolos no pote.

Lord Vader e Penny: novas e antigas amizades!

Adestrador Tiago esclarecendo várias dúvidas da galerinha

Cookie estava atento no Tiago ou na mesa?

Hummm...

Melzinha e nossos mimos do petnic!



© Dani Sato | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.